CONFERÊNCIA EM MONTE NEGRO INAUGURA ETAPA PARA DEBATE DA EDUCAÇÃO EM ÂMBITO ESTADUAL 

Com presença do vice-governador Daniel Pereira, a abertura da conferência contou com a presença de mais de 200 profissionais do setor que atuam em seis escolas do município, localizado a 250 quilômetros da capital.

O município de Monte Negro inaugurou na segunda-feira (19) a serie de conferencias municipais de educação que deverão ocorrer até a etapa estadual do evento, sob a coordenação da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), no mês de maio. Com presença do vice-governador Daniel Pereira, a abertura da conferência contou com a presença de mais de 200 profissionais do setor que atuam em seis escolas do município, localizado a 250 quilômetros da capital.

O Programa de Alfabetização na Idade Certa (PAIC), adotado com sucesso no Ceará e que também foi tema do seminário Políticas Inovadoras para Educação, realizado em dezembro, foi tema de palestra da educadora Lucindalva Barcelar, uma das profissionais que contribuíram para sua adoção naquele estado.

Segundo Barcelar, quando o programa foi desenhado, dos 184 municípios apenas 14 alfabetizavam suas crianças e isso "apenas aos 10 anos de idade." "Era um drama, terrível. Nos departamos com a secura não apenas do torrão do Ceará, mas a secura que brotou e permanecia por anos a fio em nossas crianças, secas pela ignorância e pela fome", disse. Com o melhor Índice de Desenvolvimento da Educação Básica do Brasil (IDEB), o Ceará reverteu a situação em razão de decisão política do governo Cid Gomes, envolvendo todos os prefeitos no programa.

O vice-governador Daniel Pereira disse que Rondônia não tem colocação ruim no ranking nacional dos indicadores de aprendizagem, com o 11º lugar nas series finais do ensino fundamental e no ensino médio, mas para ele o fato "não seria ruim se tivéssemos no país como um todo um educação boa."

"Podemos melhorar muito e seguir o exemplo de Sobral, no Ceará, cujo modelo de aprendizagem eu conheci pessoalmente. Vi uma rigidez metodológica e uma responsabilidade fantástica", disse, pedindo aos parlamentares e educadores apoio, caso confirme sua posse na chefia do executivo estadual, para "avançar na revolução silenciosa iniciada pelo governador Confúcio Moura."

O vice-governador Daniel Pereira disse que já foi iniciado um processo de se adotar o PAIC em Rondônia, que inclusive se tornou política nacional do Ministério da Educação, e que irá priorizar o trabalho do restante de mandato do atual governo nas ações de educação e segurança pública. Fez o compromisso, com os deputados presentes, inclusive o presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho, de honrar todas as emendas parlamentares para o setor.

A coordenadora regional de Educação em Ariquemes, responsável pela supervisão do trabalho das escolas em Monte Negro, Núria Sagué Lopes, disse que o município é um exemplo para Rondônia, destacando-se com uma secretária atuante e profissionais comprometidos, e que hoje os maiores problemas não são pedagógicos "são de ordem social."

"Nós acreditamos na educação, e sei que os profissionais, o vice governador e demais autoridades aqui também acreditam. Que esta Conferencia Municipal seja efetivamente mais uma possibilidade de avanços, que não seja apenas para o dialogo, mas uma opção real de mudanças", declarou Núria.

CONQUISTAS

A secretária de Educação de Monte Negro Gilvania Bergamo Moratto destacou o apoio dos nove vereadores do município à educação, relatando que em 2017 foram aprovados, entre outros projetos, o piso salarial dos docentes, o fundo municipal de educação e a carga horária dos servidores "todos relevantes para a categoria".

O prefeito Evandro Marques registrou agradecimentos aos deputados que indicam emendas para a educação, frisando que não há muitos parlamentares que se preocupam com isso, e também elogiou o atendimento que tem sido dado ao município pela Secretaria de Estado da Educação em Porto Velho.

A palestra com audiência mais festejada da manhã foi a do educador Celso Antunes, de São Paulo, com o tema "Novas Maneiras de Ensinar, novas formas de aprender " e da professora Lucindalva sobre o PAIC. A terceira palestra do dia foi "Teoria Histórico-Cultural e Educação Infantil, com Marta Chaves, professora pós doutorada de Maringá (PR).

A Conferência Municipal de Monte Negro acontece até o dia 21 na quadra esportiva da escola estadual Aurélio Buarque de Holanda, etapa preparatória à Conferencia Estadual da Educação e à Conferência Nacional de Educação (CONAE), com realização no segundo semestre de 2018.

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

https://www.newsrondonia.com.br/noticias/conferencia+em+monte+negro+inaugura+etapa+para+debate+da+educacao+em+ambito+estadual+no+mes+de+maio/106051